Companhia de Viagem

Que tal se hospedar nas mais luxuosas suítes presidenciais do mundo?
Comentários 6

Marcio Moraes

Olá amigo,

A segunda-feira chegou, mas nada nos impede de planejar a nossa próxima folguinha, não é mesmo? O que você acha, então, de conhecer algumas das mais cobiçadas suítes presidenciais do mundo? Pois bem, eu escolhi 5 das minhas favoritas!

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Claro que eu não começaria por outra senão a Royal Suite, do Burj Al Arab, o famoso hotel sete estrelas de Dubai, nos Emirados Árabes, cujo formato parece uma vela. Além de seguir a decoração feita com aplicações em ouro, como todo o restante da construção, esta acomodação possui 780 metros quadrados e oferece tudo o que você possa imaginar: recepção, quartos luxuosos, cinema, spa, biblioteca, muitas salas e serviço de mordomo 24 horas!

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Outra maravilha das hospedagens está na charmosa Paris, na França. É a Presidential Suite, do Four Seasons George V, que possui 190 metros quadrados de puro luxo e requinte. São três opções de quartos, onde é possível escolher entre a decoração clássica europeia com vista para a Marble Courtyard e a avenida George V; os luxuosos lustres de cristal e pinturas da escola francesa; ou ainda um imenso banheiro com sauna e academia privada.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Mais uma Presidential Suite de tirar o fôlego está no hotel Cala Di Volpe, na Costa Esmeralda, na Itália. A acomodação, além da vista para o mar italiano e decoração típica da Sardenha, repleta de cores vibrantes e objetos que apresentam uma leitura da arte local, ainda possui piscina e academia particulares com três quartos, solário, terraço e adega.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Já em Nova York, nos Estados Unidos, a Ty Warner Penthouse está a 244 metros do chão e oferece uma vista de 360 graus da cidade a partir dos seus 400 metros quadrados. Cheia de objetos de arte, alta tecnologia e decoração cosmopolita, os hóspedes ainda têm à disposição serviço de mordomo 24 horas, um Rolls-Royce com chofer, um art concierge, personal trainer e spa.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Finalmente, uma das minhas suítes preferidas está em Atenas, na Grécia. A Royal Villa, do Grand Resort Lagonissi, é uma residência particular com deck privativo para a praia a partir de um estonteante terraço de madeira com piscina. Além do serviço de mordomo, esta acomodação para até 5 pessoas oferece ainda uma decoração com objetos de arte, escritório equipado, bar e academia.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

E então, qual você vai escolher?

Boa viagem e até mais!


Coisas que só São Paulo tem
Comentários 1

Marcio Moraes

Olá amigo,

Continuando o post anterior sobre a grandiosa Terra da Garoa, você sabia que São Paulo tem uma população de pouco mais de 11 milhões de pessoas? Pois é. O número exato, segundo dados do IBGE, é 11.253.503 habitantes em um raio de 1.521,110km². Muita gente, não?

Esses números só refletem o que nós já sabemos: falar sobre Sampa é falar sobre exageros! Afinal, são mais de 5 milhões de carros circulando, 864 mil transações de cartão de crédito por dia, 240 mil lojas, 53 shopping centers, 5 mil pet shops, 15 mil restaurantes e 50.800 indústrias dentro da capital! Isso sem contar que são vendidos – pasmem! – 10,4 milhões de pãezinhos por dia, o que dá cerca de 7.200 por minuto. Também, pudera, são 3.200 padarias!

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

 A maior comunidade japonesa fora do Japão

E como tudo aqui é muito, você sabia também que existem cerca de 1,8 milhões de descendentes japoneses na capital paulista, o que a torna a maior comunidade asiática fora do Japão? Pois bem, 600 mil deles moram no bairro da Liberdade, distrito típico japonês no centro da cidade.

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Antes da chegada dos imigrantes, a região abrigava o Pelourinho e a Praça da Forca, por isso o nome Liberdade. Hoje, o bairro é bem turístico e é impossível não se apaixonar pela feira gastronômica, que já existe há quase 40 anos e é uma ótima dica para começar a se acostumar com os costumes orientais.

A gastronomia do mundo dentro de São Paulo

Essa frase pode parecer exagero, mas não é. Como eu disse no post passado, a capital abraça 52 culinárias diferentes em 55 mil estabelecimentos de alimentos e bebidas! São culturas do mundo inteiro representadas aqui pela gastronomia. Demais, não?


Quer entender do que estou falando? Então vá ao P.J. Clarkes, um restaurante e hamburgueria americano que, aliás, preparou um brunch e um jantar especial para comemorar o aniversário de SP, cheio de receitas bem paulistanas, como pastéis de queijo, mortadela e sanduíche de pernil!

Foto: Divulgação

Já se você quiser continuar na linha asiática, vá ao Tantra, que possui quatro unidades espalhadas pela cidade, especializado na culinária da Mongólia.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Agora, você sabia que o Windhuk, em Moema, é um restaurante alemão com mais de 50 anos de tradição? Mas o mais interessante dessa história é que esse nome era, na verdade, o nome de um navio que partia de Hamburgo e atracava na África do Sul. Em 1939, porém, a Segunda Guerra Mundial foi declarada e a embarcação não pôde mais voltar à Alemanha, navegando em direção ao Brasil. Aqui, a tripulação permaneceu em campos de concentração até 1945. Três anos mais tarde, esse bar foi inaugurado por um dos ex-tripulantes.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Agora, se preferir, aproveite uma das 4.500 pizzarias e faça parte da estatística de 1 milhão de pizzas vendidas por dia!

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Parabéns, São Paulo! Só você tem tudo isso!

Abraços e até a próxima!


São Paulo comemora o 461º aniversário neste domingo
Comentários Comente

Marcio Moraes

Sampa, Sampa! Essa cidade linda que eu escolhi para morar completa 461 anos nesse domingo, dia 25, como o destino turístico mais competitivo do País. O estudo realizado pelo Ministério do Turismo analisa infraestrutura, atrativos e serviços, além de aspectos naturais, culturais e sociais. Pois bem, vou aproveitar a data para mostrar a você um pouco mais sobre a Terra da Garoa.

Copyright: Celso Diniz/ Shutterstock

Copyright: Celso Diniz/ Shutterstock

Em quarto lugar no ranking mundial de melhor vida noturna segundo o grupo americano de comunicação CNN, não é a toa que São Paulo é conhecida como a cidade que nunca dorme. Dados da SPTuris relatam que existem aqui cerca de 20 mil bares!

Por isso, se você gosta de curtir a noite em grande estilo, não deixe de conhecer a balada Provocateur, filial da sede em Nova York, ou o Royal Club, na Vila Olímpia. Já se quer um lugar para conversar com os amigos e tomar um drink, eu sugiro o famoso Noh Bar, na Bela Cintra, o Skye, no Hotel Unique com uma maravilhosa vista de São Paulo, ou o Brasserie des Arts, nos Jardins. Não deixe de experimentar o famoso drink Moscow Mule, super refrescante, uma mistura de vodka, gengibre e mais alguns ingredientes especiais.

Copyright: Filipe Frazao/ Shutterstock

Copyright: Filipe Frazao/ Shutterstock

É claro que você já sabe que Sampa é a capital gastronômica do País, certo? Mas sabia que ao todo são 52 tipos de culinárias diferentes e 4.500 pizzarias? Experimente os restaurantes da Famiglia Mancini, na charmosa rua Avanhandava, ou o sofisticado Gero, do Fasano. E se quiser apostar na redonda mais queridinha dos paulistanos, vá a alguma unidade da Brás Pizzaria ou da Veridiana. Você não vai se arrepender.

Copyright: Nagasima/ Shutterstock

Copyright: Nagasima/ Shutterstock

E como uma visita a São Paulo não seria completa sem conhecer o lado artístico da cidade – já que são 110 museus, 40 centros culturais, 80 bibliotecas, 280 salas de cinema e 160 teatros espalhados pela capital –, que tal conhecer o Masp, em plena avenida Paulista, a maravilhosa Pinacoteca, na Luz, ou o Museu de Arte Sacra, que começa neste sábado a exposição Arte Sacra na Ourivesaria? A mostra traz uma releitura do próprio acervo em 130 peças da arte de fabricar peças em metais preciosos.

Copyright: Thiago Leite/ Shutterstock

Copyright: Thiago Leite/ Shutterstock

Também tem a magnífica Sala São Paulo e os refinados concertos da Osesp, a Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo, que começa a temporada 2015 em fevereiro.

Copyright: cifotart/ Shutterstock

Copyright: cifotart/ Shutterstock

Não deixe de conhecer ainda a interessante vida ao ar livre daqui. Cerca de 300km de ciclovias passam por toda a cidade, que hoje é própria para a prática de diversos esportes. Vá aos parques Ibirapuera, Aclimação, Villa-Lobos ou o da Independência, no Ipiranga. Conheça também o Jardim Botânico ou se aventure até alguma das represas de Guarapiranga ou Riacho Grande para praticar stand up paddle.

Copyright: Will Rodrigues/ Shutterstock

Copyright: Will Rodrigues/ Shutterstock

Além de tudo isso, você não pode deixar de conhecer lugares como a Catedral da Sé, o Terraço Itália, o Museu da Língua Portuguesa, o belíssimo Teatro Municipal, que oferece visitas guiadas, o Memorial da América Latina, o Pátio do Colégio, o Copan e muitas outras atrações únicas, que só Sampa pode oferecer.

E aí, se animou? Boa viagem!

Até a próxima!


Conheça a mansão que serviu de cenário para o filme “50 Tons de Cinza”
Comentários 2

Marcio Moraes

Olá amigo,

Você se lembra do furor que foi o lançamento do livro “50 Tons de Cinza”, da escritora inglesa E. L. James? Pois é! Se você gostou, se prepare, porque o que antes era apenas um romance literário virou um filme que será lançado nos cinemas no dia 12 de fevereiro. Que tal, então, conhecer um pouco mais sobre o local onde foi gravada boa parte do longa: a Casa Mia?

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Localizada na cidade de Vancouver, no Canadá, a mansão foi construída em 1932 pelo magnata cervejeiro George C. Reifel.

Com arquitetura espanhola e repleta de detalhes elegantes e extravagantes, como os enormes lustres, painéis de madeira e desenhos nas paredes, a casa reflete bem a personalidade ambiciosa de Reifel. Perfeita para o personagem Christian Grey, não?

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O curioso é que todos os donos seguintes da Casa Mia preservaram a residência original, que hoje faz parte do Heritage House Tour, um passeio turístico por 10 construções históricas de Vancouver.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Que tal? Vamos conhecer a mansão onde acontece o instigante romance entre Anastasia Steele e Christian Grey?

Ótima viagem!


Que tal passar uma noite na Galeries Lafayette, em Paris?
Comentários 1

Marcio Moraes

Amigo e amiga,

Você já imaginou passar a noite dentro da sua loja favorita? E se for na Galeries Lafayette, símbolo da elegância francesa, então? Demais, né! Pois na madrugada do último dia 7, seis clientes puderam viver essa experiência e dormir sob a cúpula de estilo neobizantino que decora o espaço.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

A promoção aconteceu entre 19 e 28 de dezembro do ano passado e cerca de cinco mil pessoas se inscreveram! Os ganhadores da ação entraram às 20h do dia 6 para uma ceia e, logo em seguida, fizeram um passeio pelos corredores da galeria, que abriga lojas de marcas renomadas, como Louis Vuitton, Chanel, Prada, Burberry, Balenciaga, Dior, entre outras. Na manhã seguinte, puderam fazer compras com um voucher de 200 euros cada um.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Localizada no Boulevard Haussmann, a Galeries Lafayette foi inaugurada em 1894 como a primeira loja de departamento da Europa. Seus 70 mil metros quadrados divididos em três edifícios recebem diariamente cerca de 100 mil visitantes.

Copyright: Rrrainbow/ Shutterstock

Copyright: Rrrainbow/ Shutterstock

Segundo a assessoria de imprensa do espaço, ainda não há previsão para uma próxima ação. O jeito é esperar e torcer para participar!

Copyright: Marina99/ Shutterstock

Copyright: Marina99/ Shutterstock

Até mais e boa sorte!


Fuja do calor nos melhores resorts de esqui dos EUA
Comentários Comente

Marcio Moraes

Meu amigo,

 

Estamos no início de janeiro e o verão está escaldante. Que tal, então, dar uma fugidinha para alguns dos melhores destinos de neve dos Estados Unidos? O país é famoso por suas opções de resorts de esqui e, até abril deste ano, está com a temporada aberta para receber amantes do esporte.

Copyright: IM_photo/ Shutterstock

Copyright: IM_photo/ Shutterstock

Em Aspen, no estado do Colorado, está um dos mais badalados complexos dos EUA, que leva o mesmo nome da cidade. Além de quatro montanhas para a prática de esqui e snowboard, o local também oferece muitas lojas, ótimos restaurantes, cafés e uma agitada vida noturna.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Uma das maiores montanhas de Aspen vale a pena o destaque. O vilarejo de Snowmass conta com o ski lift vertical mais longo dos Estados Unidos, além de muitas opções luxuosas de hospedagem. São várias possibilidades de lazer além do esqui, como trilhas para caminhada, passeios de bicicleta, entre outros.

Foto: Divulgação

Crédido: Divulgação

O Ski Resort Beaver Creek é uma ótima opção para a família toda. Localizado a 210km do Aeroporto Internacional de Denver e a apenas 40km do Aeroporto de Vail/Eagle County, o destino possui uma imensa esteira rolante que leva até a base da montanha. Mas atenção, as pistas são mais bem aproveitadas pelos esquiadores mais experientes.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O Colorado realmente parece ser o lugar ideal para quem quer se aventurar na neve. Ali também está localizada a segunda maior montanha de esqui do estado, na cidade de Steamboat. Fora da linha dos resorts, o município é uma ótima oportunidade de conviver com a população local, além de oferecer esqui noturno e uma forte programação para crianças.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

Se você é amante do velho oeste, vai gostar de Jackson Hole. Muito frequentada por celebridades de Hollywood, a cidade está próxima aos parques nacionais de Yosemite e Elk Refuge, o que possibilita uma vista linda com muitos animais e natureza selvagem. A estação também é ótima para quem vai com crianças e iniciantes.

Foto: Divulgação

Foto: Divulgação

O que acha? Vamos nos refrescar um pouco?

Até a próxima!


Lagoa na Bolívia muda de cor conforme o vento
Comentários 7

Marcio Moraes

Amigo,

Como você sabe, meu negócio é viajar. Algo que aprendi nesses anos todos de estrada é que existem diversos tipos de viagens, desde aquelas que oferecem muito luxo e sofisticação, até as mais aventureiras, que nos levam a lugares mágicos, porém com pouca infraestrutura turística. Pois hoje eu trago uma dica para aqueles que gostam de conhecer destinos sem se preocupar com muito conforto: a Green Lagoon, localizada no maior deserto de sal do mundo: o Salar de Uyuni, na Bolívia.

Copyright: Thomas Lusth/ Shutterstock

Copyright: Thomas Lusth/ Shutterstock

Esta lagoa lindíssima, originalmente conhecida como Laguna Verde, está aos pés do vulcão Licancabur, a uma altitude de 4.350 metros. Assim como toda a região, possui altos índices de sal, o que forma sua coloração esverdeada.

Copyright: Vadim Petrakov/ Shutterstock

Copyright: Vadim Petrakov/ Shutterstock

O interessante dali é que a cor verde esmeralda desta lagoa muda de cor frequentemente, conforme a direção do vento e a luz do sol.

Copyright: LaiQuocAnh/ Shutterstock

Copyright: LaiQuocAnh/ Shutterstock

Os passeios para o Salar de Uyuni com a Laguna Verde inclusa duram de três a quatro dias em pacotes fechados a partir de operadoras de turismo que saem da cidade de Uyuni, na Bolívia, ou de San Pedro do Atacama, no Chile.

Quem optar pelo tour terá estadia para duas noites em hotéis de quartos coletivos e todas as refeições inclusas, preparadas pelos próprios guias, que levam o grupo de até seis pessoas em um veículo 4×4 durante todo o percurso.

Copyright: Dmitry Burlakov/ Shutterstock

Copyright: Dmitry Burlakov/ Shutterstock

Porém, algumas agências oferecem o mesmo passeio em acomodações mais luxuosas ou até em motor home. Vale a pena procurar de acordo com o seu perfil de viajante. O importante é se aventurar nesse destino, pois vale a pena, principalmente porque uma das estadias é em um hotel inteiro feito de sal.

Copyright: Vadim Petrakov/ Shutterstock

Copyright: Vadim Petrakov/ Shutterstock

O Salar de Uyuni possui 12 mil quilômetros quadrados e também inclui a Laguna Colorada, o Deserto de Dalí, os gêiseres da manhã, o cemitério de trens e muito mais.

Copyright: LaiQuocAnh/ Shutterstock

Copyright: LaiQuocAnh/ Shutterstock

E aí, topa essa aventura?

Boa viagem!


Que tal visitar a maior queda d’água do mundo?
Comentários 5

Marcio Moraes

Companheiro,

Milhares de cachoeiras são destinos turísticos naturais fantásticos e muito procurados. Grandes exemplos são as impressionantes Cataratas do Iguaçu, ao sul do Brasil, ou as Cataratas do Niágara, nos Estados Unidos. Você sabe, porém, qual é a maior queda d’água do mundo? É a Salto Angel, ou Angel Falls, na Venezuela.

Copyright: Alice Nerr/ Shutterstock

Copyright: Alice Nerr/ Shutterstock

Com 979 metros de queda, o destino é 15 vezes maior que o Niagara Falls e é reconhecido como o mais alto pelo Guinness Book. O curso da água vai do rio Churum até os pés da montanha da mesa Auyantepui, no Parque Nacional Canaima.

Copyright: Lukas Uher/ Shutterstock

Copyright: Lukas Uher/ Shutterstock

Situado no Planalto das Guianas, o local recebeu esse nome em homenagem a Jimmy Angel, um piloto estadunidense que, em 1933, viu a cachoeira pela primeira vez.

Copyright: Vadim Petrakov/ shutterstock

Copyright: Vadim Petrakov/ shutterstock

Quatro anos mais tarde, ele voltou à região e teve que fazer um pouso de emergência no topo do monte Auyantepui. Ali, o avião ficou por 33 anos, mas hoje há uma réplica no lugar. Já o aventureiro conseguiu descer o monte e voltar à civilização após 11 dias de caminhada na selva.

Copyright: Attila JANDI/ shutterstock

Copyright: Attila JANDI/ shutterstock

Diversas operadoras de turismo fazem o passeio até a Angel Falls e você pode escolher roteiros a pé, de canoa ou helicóptero.

E aí, vai encarar?

Até mais!

 


Que tal conhecer Lima, a cidade onde quase nunca chove?
Comentários 2

Marcio Moraes

Olá companheiro,

 

Não importa se você viajou ou ficou em casa nesse recesso de fim de ano, que tal começar 2015 já planejando as próximas férias? Pois eu tenho uma dica ótima para te dar: você sabia que em Lima, a capital do Peru, as chuvas são praticamente inexistentes?

Copyright: Christian Vinces/ shutterstock

Copyright: Christian Vinces/ shutterstock

Pois é! O clima da cidade é subtropical deserto e pode variar entre 12ºC e 30ºC. A região está situada entre a Cordilheira dos Andes e o Oceano Pacífico, o que provoca bastante umidade, mas ao mesmo tempo impede que as chuvas atinjam o local.

Copyright: Christian Vinces/ shutterstock

Copyright: Christian Vinces/ shutterstock

Por isso, se você é daqueles que não gosta de carregar o guarda-chuva, pode se animar! Além do clima, Lima possui muitos atrativos históricos e ainda é considerada a Capital Gastronômica da América Latina, com muitos restaurantes de chefs renomados escondidos pelas ruas da cidade.

Copyright: Christian Vinces/ shutterstock

Entre as atrações turísticas que você não pode perder estão a Plaza de Armas, o Convento de San Francisco e o Palacio del Gobierno.

Copyright: Neale Cousland/ shutterstock

Copyright: Neale Cousland/ shutterstock

Mas não deixe também de visitar as praias, como a agitada Asia ou Miraflores. Só não sei se você vai animar para entrar no mar. As águas dali são tão geladas que eu mesmo só tive coragem de molhar os pés.

Copyright: Pablo Hidalgo/ shutterstock

Copyright: Pablo Hidalgo/ shutterstock

E aí, vamos conhecer essa capital lindíssima?

Até a próxima e ótima viagem!

 


Desbrave as ruínas da cidade de Pompeia
Comentários Comente

Marcio Moraes

Olá amigo,

 

Com a chegada do Ano Novo e o tempo de férias, aproveitei a semana para assistir alguns filmes que não consegui ver em 2014. Um deles me levou de volta a um dos destinos mais interessantes – e trágicos – que conheci na Itália: Pompéia, com suas ruínas e pessoas petrificadas.

Copyright: Sailorr

Copyright: Sailorr

O longa, que tem no elenco o ator inglês Kiefer Sutherland e leva o nome do local, narra de forma bastante fantasiosa a história desta que hoje é uma das atrações turísticas mais procuradas do País. Mesmo com a trama romântica, é impossível não pensar com tristeza na ebulição do vulcão Vesúvio, que destruiu a cidade do sul italiano em 79 d.C.

Copyright: Alister G Jupp

Copyright: Alister G Jupp

A chuva de cinzas que atingiu Pompeia do dia 24 a 26 de agosto daquele ano deixou em ruínas o lugar e matou 16 mil habitantes, que foram petrificados instantaneamente e permanecem moldados até hoje na mesma posição em que morreram.

Copyright: Alessandro Colle

Copyright: Alessandro Colle

Tombada como Patrimônio Mundial da Humanidade pela UNESCO desde 1997, Pompeia foi redescoberta após a erupção do Vesúvio por um arquiteto italiano, durante a construção de um aqueduto, no século 16.

Copyright: Guillermo Pis Gonzalez

Copyright: Guillermo Pis Gonzalez

Quer conhecer um pouco mais sobre a história de Pompeia? Então faça as malas e não perca mais tempo! É impressionante!

Até mais!