Blog do Marcio Moraes

Histórico

São Petersburgo a pé: conheça a Veneza do Norte caminhando

Marcio Moraes

22/09/2017 08h00

Compartilhei há pouco tempo um roteiro de Moscou a pé e agora chegou a vez de São Petersburgo, a chamada “Veneza do Norte”! Entre canais e pontes românticas, a cidade construída pelo czar Pedro I, o Grande, continua a ser majestosa e deslumbrante. E por que não desbravá-la caminhando? Conheça os pontos estratégicos para turistar no transporte mais antigo de todos: os pés!

Palácio de Inverno/Museu Hermitage

Banhado pelo rio, o Palácio de Inverno é parte do Museu Hermitage, um dos melhores não só do país, mas de todo o mundo. Além dele, há outros cinco palácios e pavilhões que compõe o complexo. O museu foi inaugurado em 1764 por Catarina, a Grande, e traz obras de artistas como Rembrandt, Hals, Veronese, Cézanne, Renoir, Picasso e Matisse.

Foto: DarthArt/iStock

15 minutos – Catedral do Sangue Derramado

A 15 minutos a pé do Palácio de Inverno, está a Catedral do Sangue Derramado. Apesar do nome um pouco assustador, quem é apaixonado pela moscovita Catedral de São Basílio também se apaixonará por essa. Oficialmente Igreja da Ressurreição de Cristo, ela recebeu seu outro nome por estar no local onde Czar Alexandre II foi assassinado.

Foto: ZX-6R/iStock

10 minutos – Catedral de Nossa Senhora de Cazã

Totalmente diferente da parada anterior, a Catedral de Nossa Senhora de Cazã não traz cúpulas coloridas ou douradas. Imponente, o templo ortodoxo teve inspirações da Basílica de São Pedro, em Roma. Apesar de o nome sugerir, a igreja não está localizada em Cazã, ela é chamada assim porque a imagem que ela guarda foi encontrada na cidade.

Foto: Pilin_Petunyia/iStock

15 minutos – Catedral de Santo Isaac

15 minutos de caminhada e você chega à Catedral de Santo Isaac. Porém, não precisa estar muito perto para avistá-la, já que ela possui 102 metros de altura! A maior igreja de São Petersburgo tem capacidade para mais de 10 mil pessoas e sua cúpula dourada contém ouro puro. É muita riqueza!

Foto: Byelikova Oksana/iStock

9 minutos – Palácio Moika

Além de servir de residência para a família Yussupov, o Palácio de Yusupov (ou Palácio Moika) também é conhecido por ser o local onde o místico Grigori Rasputin foi assassinado por membros da corte. Nos dias de hoje, o local recebe conferências, reuniões entre diplomatas e simpósios. E, claro, também é museu!

Foto: Divulgação

7 minutos – Teatro Mariinsky

A uma caminhada de sete minutos, está o famoso Teatro Mariinsky, parada obrigatória para os amantes de ópera e ballet. Eterno rival do Bolshoi, em Moscou, o local se expandiu ao receber um prédio moderno anexado ao antigo, chamado de Mariinsky II. Lembre-se de comprar ingressos para os espetáculos com antecedência.

Foto: A.Savin/Wikipedia Commons

Para conhecer mais a Vezena do Norte, acompanhe o Companhia de Viagem este domingo, às 19h30, na Record News!

Sobre o blog

Para viajar sem sair de casa. O blog do Marcio Moraes apresenta lugares fascinantes para inspirar o imaginário do viajante. Por meio de dicas, o leitor viverá as melhores experiências dos destinos com restaurantes, hot spots e listas capazes de ampliar horizontes. Que tal entrar em contato com novas culturas e desbravar pelo mundo em um clique? Embarque nessa viagem!

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Blog do Marcio Moraes
Topo